Carregando...

Publicidade

O Que é Auxílio Brasil: Cadastro E Qual O Valor

Anúncios

Como funciona Auxilio Brasil, como funciona, entenda as regras, confira o que é qual o valor e como se cadastrar. Existem exigências para participar.

Este é o novo programa vem para substituir a Bolsa Família, e ampliar o número de beneficiários, o que é interessante para o cidadão. Contudo, entenda como funciona o Auxílio Brasil!

Publicidade

Confira as regras para cadastro, parcelas e valor. Sobretudo, o que é de fato o Auxílio Brasil, pois as regras foram definidas.

Anúncios

O Auxílio Brasil completou a pouco mais de 14,5 milhões de brasileiros que faziam parte  Bolsa Família. No entanto, houve apenas uma migração dos beneficiários para esse novo programa. O Governo Federal ainda está usando os recursos do Bolsa Família de 2021 e os tributos arrecadados com o aumento temporário das alíquotas do IOF.

Fique conosco e saiba mais sobre!

Como funciona as regras do Auxílio Brasil

O auxilio Brasil tem o intuito de ampliar e pagar R$ 400. Que segundo o Ministério da Economia, o recurso é suficiente para pagar um benefício com Sendo assim, o Governo não aceitou um valor menor que R$ 400. Mas é importante entender os critérios desse dinheiro, para saber se faz parte das categorias indicadas.

Anúncios

Entenda quais os critérios do Auxílio Brasil

Como funciona auxilio Brasil, como funciona, entenda as regras, confira o que é qual o valor e como se cadastrar. Existem exigências para participar.
Auxílio Brasil, veja como funciona. (Foto: Reprodução)

O Governo Federal, através do auxilio Brasil, pretende, sobretudo, ampliar o número de beneficiários que recebem a quantia. Sendo assim, cerca de 2 milhões, passando de 14,5 milhões para cerca de 17 milhões. Contudo, a faixa de entrada das famílias em extrema pobreza e pobreza, passando de R$ 89 para R$ 100 e de R$ 178 pra R$ 200.

O auxilio Brasil foi criado com 9 modalidades diferentes e 3 com “núcleo básico”.

Entenda o Auxílio Brasil e sua validade para as seguintes situações:

1) extrema pobreza: Pessoas com renda familiar mensal no valor de até R$ 100,00;

2) pobreza: Pessoa com renda familiar mensal entre R$ 100,01 e R$ 200,00, por pessoa.

Além disso, existe a possibilidade do direito a receber o benefício as famílias em condições de emancipação. Aquelas que recebem o benefício, mas em alguma renda superou o limite permitido em algum momento. Sendo assim, essas famílias  continuam a receber os valores por um período.

3) Benefício Primeira Infância: Famílias com crianças entre 0 e 36 meses (3 anos) incompletos.

Anúncios

4) Benefício Composição Familiar: Essa categoria limita o benefício aos jovens de até 17 anos, será direcionado também a jovens de 18 a 21 anos incompletos. Com intuito de incentivar eles a permanecer nos estudos e concluir o um nível de escolarização formal. 

5) Benefício de Superação da Extrema Pobreza: Para quem recebe benefícios anteriores, a renda mensal per capita não ultrapassa a linha da extrema pobreza, de uma família.

Confira mais 6 modalidades que conferem elegível:

1)Auxílio Esporte Escolar: destinado a estudantes com idades entre 12 e 17 anos incompletos de famílias beneficiárias do Auxílio Brasil. 

2) Bolsa de Iniciação Científica Júnior: para os estudantes com bom desempenho acadêmicas e científicas  em competições, que participam do beneficiários do Auxílio Brasil.

Anúncios

3) Auxílio Criança Cidadão: Valido para o responsável por família com criança de 0 a 48 meses incompletos.  

4) Auxílio Inclusão Produtiva Rural: pago em até 36 meses aos agricultores familiares do Cadastro Único.

5) Auxílio Inclusão Produtiva Urbana: aqueles que tem a folha de pagamento do Auxílio Brasil e com emprego formal comprovado.

6) Benefício Compensatório de Transição: aquelas famílias com a folha de pagamento do Bolsa Família é concedido.

Anúncios

Auxílio para famílias com crianças e gestantes?

Os outros critérios, no entanto, necessitam seguir os do Bolsa Família. Ou seja, os beneficiários precisa estar inscritos no Cadastro Único e terem seus dados atualizados há, em media, dois anos.

De acordo com o Ministério da Cidadania, as famílias aceitas no programa devem ser consideradas em situação de pobreza. Uma vez que, são aquelas que tem renda per capita de até R$ 200. Além disso, que a composição gestante ou adolescente de até 21 anos.

Calendário Auxílio Brasil 2021

Pois bem, sobre o calendário, o governo garantiu o pagamento já em 2021. Contudo, até agora garante duas parcelas pagas nos meses de novembro e dezembro. Para fazer o cadastro existe as regras para cadastro para o Auxílio Brasil foram definidas para serem pagas por parcelas.

Nesse caso, o novo calendário para o programa segue o do  Bolsa Família e, assim de modo escalonada. Isso quer dizer que é conforme o final do Número de Identificação Social (NIS).

Veja como a Caixa Econômica Federal, instituição responsável pelo pagamento, criou o calendário com as datas de pagamento dos meses de novembro e dezembro.

Veja abaixo:

Final do NIS  Datas de pagamento

  • 1         17 de novembro       10 de dezembro
  • 2         18 de novembro       13 de dezembro
  • 3         19 de novembro       14 de dezembro
  • 4         22 de novembro       15 de dezembro
  • 5         23 de novembro       16 de dezembro
  • 6         24 de novembro       17 de dezembro
  • 7         25 de novembro       20 de dezembro
  • 8         26 de novembro       21 de dezembro
  • 9         29 de novembro       22 de dezembro
  • 0         30 de novembro       23 de dezembro

O benefício continua depositado na conta Poupança Social Digital. Pode utilizar para compras e pagamentos, online ou presencial, usando o aplicativo Caixa TEM. Através do aplicativo as transferências são de até R$ 600, com o limite diário de R$ 1.200 e mensal de R$ 5.000. Além disso, só pode ser feita até três movimentações.

Exigências do Auxílio Brasil

Vamos falar um pouco sobre as exigências do auxilio Brasil para as crianças e adolescentes com idade escolar – entre 6 e 15 anos. Estas precisam ter o mínimo, 85% de presença nas aulas. Mas, os jovens entre 16 e 17 anos, a frequência mínima exigida é de 75%. Já as crianças com menos de 7 anos precisam estar com as vacinas em dia.  

E as gestantes devem compareçam às consultas de pré-natal e participar de atividades educativas do Ministério da Saúde.  Para finalizar a saúde das mulheres que possuem 14 a 44 anos de idade deve receber acompanhamento.

Entendeu tudo? No entanto, caso faça parte desses grupos, é só solicitar! Então, ficou alguma dúvida? Deixe nos comentários.

Leia também:

// Dicas Financeiras

Participe da Plataforma Perfect Pay e Evolua seu Marketing Digital

Você sabe o que é a Plataforma Perfect Pay? A empresa promete modernizar ainda mais o Marketing de afiliados e produtores com suas vendas na internet. Fique conosco para conhecer e entender o que é e como funciona a plataforma Perfect Pay. E, caso seja uma afiliado de vendas, vai gostar ainda mais do assunto! …

O Que é Auxílio Brasil: Cadastro E Qual O Valor Leia mais »

CONTINUAR LENDO