Publicidade

in

Banqueiros querem acabar com a Participação nos Lucros e Resultados

Essa reunião com a direção do Banco do Brasil, que é nomeada pelo presidente Jair Bolsonaro, insistiu na proposta de redução da Participação nos Lucros e Resultados (PLR) dos bancários…

Banqueiros querem acabar com a Participacao nos Lucros e Resultados
Banqueiros querem acabar com a Participacao nos Lucros e Resultados

Durante a mesa de negociação realizada nesta quinta-feira (27), uma direção performática do Banco do Brasil sendo o 1° banco criado insistiu na proposta de redução da Participação nos Lucros e Resultados. Em mesa de negociação realizada nesta quinta-feira (27),

Publicidade

Essa reunião com a direção do Banco do Brasil, que é nomeada pelo presidente Jair Bolsonaro, insistiu na proposta de redução da Participação nos Lucros e Resultados (PLR) dos bancários. A mesa argumentou uma pauta Específica de necessária para a Renovação executar o Acordo Coletivo de Trabalho de todos os funcionários no BB, e também da Banco Caixa Econômica Federal e suas previdências 2020.

Publicidade

Publicidade

Distribuição Lucro Líquido dos Bancos
Distribuição Lucro Líquido dos Bancos (Foto: Divulgação)

Essa proposta que foi apresentada pelo BB em relação a Participação nos Lucros e Resultados reduz um Distribuição Lucro Líquido dos Bancos de até 4% para 2%, na qual ainda nesta quinta-feira passada, foi reafirmada a proposta de acabar levando para fora do sistema operacional  cerca de três ciclos de execução da Gestão de Desempenho Profissional (GDP), no sentido de constituir apenas ciclo avaliatório negativo para que aconteça o descomissionamento.

Publicidade

Com todo esse processo acontecendo e com a população buscando informações a respeito do Comprometimento entre bancos em manter home office até fim da pandemia, muitas pessoas ficaram sem entender corretamente o que se trata todas essas medidas, buscando novas orientações para que possam estar seguindo todas elas corretamente.

Publicidade

E com a privatização dos bancos estatais infelizmente acabará resultando em demissões massivas e com a transferência dos recursos públicos para os bancos privados. Sem contar que o Estado brasileiro terá que reduzir consideravelmente sua capacidade de intervenção na economia do país, para que os bancos são alavancas importantes para o giro de capital do Brasil.

Conheça mais:

Publicidade

Publicidade