Publicidade

Consultar MEI pelo CPF do micro empreendedor: veja o passo a passo

Consultar MEI pelo CPF

Você sabe como consultar o MEI (microempreendedor individual) através do CPF no site de maneira rápida e simples? Tem um jeito em que a consulta pode ser feita de com seu CPF, vamos fazer o passo a passo para que você não perca tempo e tenha tranquilidade na hora.

Publicidade

O MEI é uma das principais formas que o microempreendedor pode legalizar sua empresa a custo baixo, e qualquer pessoa pode se formalizar. Tudo isso pode ser feito através do site, de forma online sem nada de burocracia.

Publicidade

No site do MEI podemos fazer consultas de diversas informações importantes a respeito da empresa. Mas, às vezes na correria, não estamos com o CNPJ em mãos. Então como proceder? Tem como consultar MEI por CPF? Vamos ver isso agora, com o passo a passo de todo o procedimento!

Passo a passo para consultar MEI pelo CPF do microempreendedor

  • Primeiramente acesse o site: portaldoempreendedor;
  • Continuando, ao lado direito você deve clicar em serviços.
  • Logo após isso, clique na seção “Emita seu Comprovante de MEI” e “Comprovante de MEI”;
  • Assim a pagina vai te direcionar no local indicado para preencher com seu CPF, data de nascimento e caracteres da imagem;
  • Mandando o formulário, o resultado é apresentado em seguida.

Passo a passo para abrir o MEI

Antes de tudo, para fazer a abertura do MEI precisa ter os pré-requisitos necessário que são as seguintes informações: 

  • Estar com 18 anos;
  • Não se dono de empresa e nem como sócio de uma;
  • O faturamento da sua empresa deve ser no valor de R$ 81.000,00 por ano. O que é equivalente a R$ 6.500,00 por mês; 
  • No caso de estrangeiro ter visto permanente no Brasil;

O MEI tem sua abertura gratuita, basta acessar totalmente digital. Sobretudo, na abertura do MEI – microempreendedor individual, o CPF também conta na inscrição, todo o processo é através do site Governo Federal gratuito, sem que tenha que pagar nenhuma taxa.

Mas, fique esperto, pois existem vários sites e que cobram para fazer o serviço! Quando você faz uma pesquisa pela internet, aparecem alguns sites na página do Google, mas não é a plataforma oficial, entre através de nossos links, para ter a garantia de não entrar em site maliciosos, ou links de MEI que pagam o processo!

Fazendo Consulta e cadastro MEI no site

Como consultar o MEI através do CPF no site de maneira rápida e simples?  Tem um jeito em que a consulta pode ser feita de com seu CPF, vamos fazer o passo a passo para que você não perca tempo e tenha tranquilidade na hora.
Portal do Empreendedor. (Foto: Reprodução)

 Em primeiro lugar pegue seus documentos, CPF, RG e Titulo de Eleitor e também o número de Declaração de recibo da Declaração do Imposto de Renda; seus dados de contato para notificações.

Endereço em que mora.  Em seguida acesse o site do Governo Federal e coloque em “Quero ser MEI”. O cadastro deve ser realizado no site do Governo.

Agora chegou a hora de criar sua conta no site, você já está em “Quero ser MEI” selecione a opção “Formalize-se”. Contudo, vai criar uma senha de acesso, logo após colocar todos seus dados na plataforma.  

Preencha com muita atenção todos os dados para não ter erro. Logo após isso vai receber um código no e-mail ou SMS. Este código serve para ativar o cadastro do MEI. A consulta do MEI pode ser feita através do CPF e também do número do CNPJ.

Para completar o cadastro no Portal do Empreendedor, após receber a notificação entre novamente em “Formalize-se”. Faça login com sua conta e autorize seus dados.

Hora de informar os dados da Empresa!

Então, informe na seção o nome fantasia da sua microempresa qual o nome da sua empresa. Além disso, deve preencher o endereço da sua empresa, ou seja, onde ela vai atuar.  Tem diversas categorias, seja ela via internet, em casa, endereço comercial entre outros. Veja qual é o critério para sua, tem tudo no site, assim que identificar a que tem concordância com seu negócio escolha esta. Logo após isso, informe o CEP do seu endereço residencial, e também o CEP de do local de sua empresa.

Emissão do Certificado de Microempreendedor Individual – CCMEI

Já está quase lá! Vamos a próxima parte, em que terá acesso ao Certificado – documento importante para emissão de notas fiscais, caso precise. Então, leia a declarações com bastante atenção. Este documento é obrigatório do ME. A pertir daí será emitido o Certificado de Condição de Microempreendedor Individual (CCMEI).

Mas o que é esse documento MEI?

O certificado é a comprovação de que a empresa esta atuando, ou seja, funcionando abertura da sua empresa. Sobretudo, com a inscrição como MEI, CNPJ da empresa e o número de registro na Junta Comercial.

Quais são principais benefícios de ser MEI?

Atualmente, abrir uma empresa pequena ficou fácil, se formalizar também! O MEI oferece muitos benefícios, sendo eles, um dos mais importantes é o acesso gratuito para ter um CNPJ e alvará de funcionamento.

Além disso, o microempreendedor individual tem o benefício de direitos estabelecidos por lei de previdência, garantindo a aposentadoria, auxílio-doença, licença-maternidade, entre outros.

Quais as obrigações do MEI?

Através do MEI o microempreendedor tem mais a ganhar, uma vez que é isento de impostos federais cobrados de empresas maiores, como é de costume. Além disso, qualquer um pode ter um CNPJ e garantir privilégios dados pelo Governo Federal. Para isso o microempreemdedor deve fazer o pagamento de um carnê com valor fixo, todos os meses.

O valor é uma contribuição para o INSS (5% do salário-mínimo), mais o valor de R$ 1,00 para ICMS ou de R$ 5,00 para o ISS. O valor da parcela é de R$ 54,00 e R$ 58,00, mas dependendo da sua atividade.

Contudo, é importante se lembrar que os usuários do MEI devem realizar a Declaração Anual de Faturamento do Simples Nacional (DASN – SIMEI). A declaração é sem taxa ou custo não tem custo para o microempreendedor e é a forma que a Receita Federal verifica que a microempresa está regular. Além disso, o DASN serve como comprovante de renda e ainda tem como intuito auxiliar na hora de comprovar o capital para solicitar empréstimos, financiamentos e cartão empresarial. A cesse o site MEI pelo CPF ou CNPJ!

Gostou, para mais dicas deixe um comentário!

Leia também: Qual a melhor opção de empréstimo para MEI adequado para sua empresa