Publicidade

O que é Bitcoin e como funciona no mercado financeiro

Publicidade

Com certeza você deve saber o que é Bitcoin as tão faladas moedas virtuais, a criptomoeda que está em alta no mundo digital e no setor financeiro.

Hoje no site vamos esclarecer tudo sobre as moedas virtuais, BTC, criptomoedas, sobretudo, a moeda Bitcoin que desde 2009, quando foram criadas, são as estrelas do mercado financeiro mundial. Vamos entender o que são as Bitcoin, como surgiram, quem foram os criadores e tudo que você precisa saber antes de investir nelas.

Publicidade

Publicidade

Caso você esteja querendo investir em BTC o importante é estudar sobre todos esses aspectos antes de pegar o seu dinheiro e colocar no lugar obscuro pra você. Sendo assim, vamos esclarecer Tim Tim por Tim Tim sobre as moedas virtuais, exclusivamente Bitcoin e seu potencial no mercado.

O que é Bitcoin

O que é Bitcoin, a moeda virtual, conhecida como criptomoeda que estão em alta no mundo digital e financeiro.
Moeda virtual Bitcoin. (Foto: Reprodução)

Já faz um tempo às criptomoedas Bitcoin estão no cenário financeiro e arrebatando fortunas para os investidores. Principalmente na época atual, mesmo com a pandemia em 2020, elas renderam muito e tiveram uma alta de mais de 300% de lucro. Com esse lucro todo o mundo ficou ligado nas moedas Bitcoin. Não só esta, mas em outras moedas virtuais que estão circulando no nosso meio financeiro. Porém, muitas pessoas, ou seja, uma parcela grande da população, não entendem corretamente como elas funcionam.

Publicidade

Em relação às Bitcoin, o que se sabe é que foram as primeiras moedas virtuais aparecerem no mundo. E de início as Bitcoin tiveram um surpreendente desempenho, em agosto de 2018 o valor atingiu 830 bilhões de dólares.

Vamos entender agora como que foi essa história, como que as criptomoedas Bitcoin surgiam em detalhe.

História das Bitcoin

O Bitcoin, como já foi dito, são criptomoedas, moedas virtuais, uma espécie de dinheiro virtual que você usa na Internet. A história dos Bitcoin é muito interessante e vamos ver todos os detalhes dele agora!

O sistema de BTC é um sistema centralizado como o do Banco Central. Portanto, o Bitcoin é um tema utilizado para software ou criador de moedas que são as criptomoedas. Mas vamos esclarecer melhor isso tudo. Bit foi usado em e=referência a byte ou o compartilhamento.

O BTC não é a única criptomoedas existente no mundo, são diversas as versões, que vamos falar sobre elas também, mas a origem estrutural do Bitcoin é atribuída ao programador Dorian Nakamoto. Um pseudônimo suposto criador das BTC.

Agora que você já entendeu como surgiram as BTC em 2009, Entenda, de uma vez por todas, como adquirir elas no mercado de mineração e quais as demais moedas virtuais existentes.

Porque surgiram a Bitcoin?

No mercado de mineração existe um sistema na rede que coleta transações da Bitcoin e as organiza em blocos. Todas as transações tidas como nós da rede recebem e também fazem a verificação de  validade das moedas.

De acordo com alguns artigos da época, e de hoje em dia também, Nakamoto o criador das BTC, queria ter a possibilidade de criar moedas que não necessitasse de transações que fossem feitas por instituições bancárias, ou seja, um sistema livre do controle do Governo monetário.

Contando com isso fez as assinaturas digitais, ou moeda virtuais, como todo mundo diz. As moedas comuns do governo tem todas as transações centrais há um órgão, ou seja, têm um registro para garantir a transparência.

Sobretudo, os mineiros, pessoas que cuidam da criptomoeda necessitam da rede para mantê-las funcionando. Sendo assim, as criptomoedas tem um protocolo descentralizado que permite a verificação da Bitcoin em cada transação feita. No entanto, o processo é feito através dos computadores que ficam espalhados pelo mundo e operados por várias pessoas anônimas.

Em geral, a criptomoeda é um sistema bastante seguro. Contudo, ainda é um assunto que mexe com diversas opiniões.  Mas, existem muitas pessoas interessadas no investimento em Bitcoin,  seja pelo potencial do mercado, ou mesmo de curiosidade.

É interessante lembrar que em 2017,  as famosas moedas virtuais Bitcoin, chegaram a 740% em 5 meses. Desde então a procura por esse mercado aumentou, mas ainda existem pessoas com duvidas referentes as famosas moedas digitais.

O Bitcoin, por exemplo, foi a mais falada e é uma das mais conhecidas, bem como a mais comercializada! Vamos conhecer as demais moedas que estão em circulação atualmente!

Criptomoedas promissoras para os próximos anos!

Criptomoeda Ethereum

Criptomoeda Ethereum.(Foto: Reprodução)

Ethereum (ETH) é uma moeda digital que foi criada em 2016 e hackeada um tempo depois. Um Harker encontrou uma falha no sistema e roubou “uma dúzias” da criptomoeda Ethereum. Mas, a empresa se recuperou criando uma nova rede para a moeda virtual.

Criptomoeda Ripple

Criptomoeda Ripple. (Foto: Reprodução)

O Ripple (XRP) é mais conhecido como um tipo de protocolo de pagamento criado em 2011. Dentre duas característica estão a plataforma com objetivo de suporte grande rede tokens, ou seja, inúmeras moedas virtuais e tradicionais. O sistema disponibiliza a negociação de várias criptomoedas, incluindo a famosa Bitcoin.

Bitcoin Cash

Bitcoin Cash. (Foto: Reprodução)

Bitcoin Cash (BCH) e uma versão atualizadas de Criptomoeda Bitcoin original. Contudo, criada com intuito de aperfeiçoar a Bitcoin e trazer mais autonomia, segurança e garantia aos que querem investir na BTC.

O Bitcoin Cash tem o diferencial de tamanho de bloco, uma vez que ela tem 8 MB e Bitcoin anterior 1 MB . Ou seja, é mais transações e mais rapidez. Outra diferença da criptomoeda nova da sua original são as taxas mais baixas.

Investir em Bitcoins é um bom negócio?

O Bitcoin tem sido excelente, em 2020 atingiu mais de 300% de alta, mesmo em um ano de pandemia. Sendo assim, aprender mais sobre o Bitcoin pode garantir ótimos negócios. Sobretudo, uma moeda digital segura e recomendada sim. Contudo, riscos sempre vão surgir no mercado de investimentos, seja de Bitcoin ou mesmo outro investimento mais palpável.

De qualquer forma, aconselhamos fazer estudos, verificar quais são as melhores corretoras e onde é o melhor lugar para se investir em Bitcoin. Além disso, se programar e ter atenção as nuances do mercado de investimentos de criptomoedas. Para saber mais informações acesse o site oficial da BTC.

Gostou do artigo, pensa em investir em criptomoedas, quer mais informações sobre investimento? Fique conosco! E se ficou qualquer dúvida deixe um comentário!

Leia também: Criptomoedas o que são e quais existem e quais as melhores no momento!